Dr. Luiz Gustavo - neurocirurgia funcional • dor • estereotaxia

Tratamentos

Dor Pós Herpes Zóster

O herpes-zóster é uma doença causada pelo vírus varicela-zóster, este vírus causa a catapora que atinge principalmente as crianças. Mesmo após a cura da catapora o vírus varicela-zóster permanece incubado em alguma raíz nervosa do corpo por vários anos, e se manifesta novamente em cerca de 20% das pessoas, principalmente em idosos e em pessoas com a imunidade reduzida por algum motivo, essa segunda manifestação do vírus é chamada de herpes-zóster.

Diferentemente da catapora o herpes-zóster se apresenta apenas de um lado do corpo, principalmente na região do tórax, abdome e rosto, acompanhando a raiz do nervo em que estava incubado. O vírus se manifesta através de lesões na pele, diversas bolhas popularmente conhecidas como cobreiro, e vem acompanhado de dor aguda no lado afetado do corpo.

As lesões aparentes causadas pelo herpes-zóster podem desaparecer em poucas semanas, mas em alguns casos mesmo após o seu desaparecimento visível a dor intensa e até debilitante permanece por meses ou até anos.

Tratamento

A primeira coisa a fazer é procurar um médico logo no início dos sintomas, desta forma será possível receber as medicações e orientações adequadas para controlar e evitar complicações da doença.

Quando a dor permanece

Nos casos em que a dor intensa permanece se instala um novo quadro chamado nevralgia pós-herpes-zóster, a dor é aguda, até mesmo impossibilitando a realização de atividades cotidianas. É muito importante procurar um médico especialista em dor crônica para indicar o tratamento medicamentoso específico propiciando a redução das dores associadas à inflamação do nervo causada pela doença.

 

Clique aqui e agende sua consulta.

voltar
Dr. Luiz Gustavo - neurocirurgia funcional • dor • estereotaxia